a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e tiveram por objetivo apurar a existência de possíveis ilícitos tributários.

A operação realizada no Sul do Estado teve como foco principal no transporte irregular de mármore e granito. A ação ocorreu na BR 101 Sul, entre os municípios de Rio Novo do Sul e Cachoeiro de Itapemirim. Após abordagens, três autos de infração foram lavrados.

Já em Linhares, o foco da operação foi o transporte irregular de bebidas. Na ocasião, foram lavrados quatro autos de infração. Ao longo das operações foram feitas conferências física de mercadorias transportadas, verificação cadastral dos contribuintes, análise de documentos fiscais, orientação e outros esclarecimentos quanto à legislação fiscal e aplicações de sanções administrativas por infração à legislação fiscal.

Segundo o gerente de Fiscalização da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz), Bruno Aguilar, a Receita Estadual vem adotando medidas que visam dar maior mobilidade e efetividade à fiscalização do trânsito de mercadorias, desenvolvendo ações integradas com outros órgãos de controle. “São ações pautadas pelo uso inteligente da tecnologia, otimizando a alocação de recursos humanos e materiais, identificando irregularidades, permitindo que o trabalho de auditoria ocorra de forma mais eficaz”.

Aguilar ressalta que as ações são constantes. “Continuaremos com novas ações de fiscalização extraordinárias e itinerantes pelas rodovias do Estado, como forma de assegurar a regularidade fiscal no transporte de mercadorias, promovendo o combate à concorrência desleal e à sonegação nos diversos segmentos econômicos”, afirma.

 

FONTE: Informações à Imprensa
Assessoria de Comunicação da Sefaz